13 de jul de 2011

FÉRIAS
“...hoje eu entendo meu pai, um homem precisa
viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, 
imagens, livros ou TV. Precisa viajar por si, com
seus olhos e pés, para entender o que é seu. 
Para um dia plantar as suas próprias árvores e
dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar o
calor. E o oposto. Sentir a distância e o desabrigo 
para estar bem sob o próprio teto. Um homem
precisa viajar para lugares que não conhece para
quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo
como o imaginamos, e não simplesmente como é
ou pode ser.  Que nos faz professores e doutores
do que não vimos, quando deveríamos ser 
alunos e simplesmente ir ver”
Amyr Klink

ÚLTIMAS COLAGENS
Colagens Annelise de Salles

CY TWOMBLY

O pintor americano Edwin
Parker "Cy Twombly" morreu
no dia 5 de julho, aos 83 anos,
em Roma. Estas fotos foram
tiradas no seu atelier em 1960.
Ele viveu a vida sob as batidas
do seu próprio tambor e
fazia o que amava todos
os dias. Todos nós deveriamos
ser tão sortudos.
"My line is childlike but
not childish. It is very
difficult to fake...to get
that quality you need to
 project yourself into the
child's line. It has to be felt"
Cy Twombly (1928-2011)

7 de jul de 2011

The Selby
Gidon Bing,
atelier em Auckland,  Nova Zelândia
11 de abril, 2011.

JEAN-MICHEL BASQUIAT:
THE RADIANT CHILD

1 de jul de 2011

Central Saint Martins, Londres!

PARIS 
sempre é uma festa!
Levei minha filha para 
conhecer Paris com dez anos,
fomos só eu e ela, lá encontramos 
algumas amigas e foi tão delicioso,
no primeiro dia, saímos do hotel 
e demos de cara com esta personagem!
Quase todas as noites, 
depois do jantar a gente 
ia a pé no parque de diversões
do Jardin des Tuileries.
Aqui, todo mundo comportado 
para tirar uma foto com o carrinho,
de repente a gente ouviu uns gritos 
vindos do restaurante em frente,
era uma amiga da Maguy que ela 
não via há 20 anos e era a dona
do carrinho...foi uma festa!
 Cada mini carrinho, uma foto!
Jardin du Luxembourg
La Coupole
Quem estava sentada do nosso 
lado no Mariage Fréres do Marais,
  era a dançarina burlesca 
Dita Von Teese, linda, toda
maquiada e eu fiquei sem graça
de tirar uma foto!
Dois dias depois a gente
encontrou ela na roda
gigante com um amigo!
Já é difícil encontrar alguém
uma vez, imagine encontrar duas 
vezes e em Paris!
Dita Von Teese
Versailles
Jardins de Maria Antonieta
Fomos assistir o Les Grands 
Ballets Canadiens de Montreal, 
no Grand Palais, eram três 
coreografias, a segunda, 
Les Noces do coreógrafo belga 
Stijn Celis e música de 
Stravinsky, foi o ballet mais 
incrível que eu vi até hoje! 
Toda vez que eu assisto 
um que me emociona, na 
hora dos aplausos dou 
uma choradinha mas neste, 
foi quase um vexame!
Caça ao tesouro no Louvre
Esta viagem foi muito especial,
foi inesquecível!

Related Posts with Thumbnails