28 de jun de 2009


FÉRIASFÉRIASFÉRIAS
FÉRIASFÉRIASFÉRIAS

17 de jun de 2009

www.labiennale.org

LA BIENNALE DI VENEZIA


Transito no Gran Canale,
muitas pessoas estes dias em Veneza...


Banner na frente deste lindo palazzo,
la Ca'Giustinian no Gran Canale.
I WILL NOT MAKE ANYMORE BORING ART
John Baldessari, 1971.
...
Nos quatro dias de inauguração
da Bienal de Veneza,se reunem nesta
cidade linda,o jet set mundial das
artes plásticas.Curadores de todos os
museus e coleções particulares,
galeristas,artistas e colecionadores
do mundo inteiro. Festas acontecem
pelos palácios e galerias,inaugurações
dos pavilhões de cada país, barcos
imensos parados na frente dos "Giardini",
onde mais festas acontecem sem parar.
Por onde se anda,se encontra pessoas
interessantes que estão lá para
ver e falar do melhor que está se
produzindo no mundo das artes.
Minha amiga Luciana Giannella estava lá,
e me contou tudo que ela mais gostou!

Lu no Pavilhão do Brasil

Flávia Brito,Lu Giannella e Luciana Brito,
dona da galeria que tem seu nome.

Performances divertidas!

Veneza

Lu,Marc Jacobs e Flavia Brito.

GIARDINI
PAVILHÃO DO BRASIL
DELSON UCHOA
Pinturas em lona com acrílico.
Artista representado pela galeria
LUCIANA BRITO,em São Paulo.


LUIZ BRAGA
Fotografias do interior do Pará,
artista representado pela GALERIA LEME,
em São Paulo.

Luiz Braga


A Bienal de Veneza se divide em partes,
de um lado há uma exposição feita
a partir da mão dos curadores convidados
pela fundação Biennale di Venezia,
se dividindo entre os galpões do
Arsenale e um pavilhão nos Giardine-
no caso desta edição,Fare Mondi,
com curadoria de Birnbaum e de Volz.
De outro lado ,há as 60 representações
nacionais,as mostras nos pavilhões
pertencentes aos paises abrigados por
todo o espaço dos Giardini,
e alguns no Arsenale,
neles estão os artistas escolhidos
por curadores convidados por cada nação.
E tem também os eventos colaterais,
exposições que acontecem espalhadas
por toda a cidade.

Flávia Brito,Luiz Braga,
Delson Uchoa e Luciana Giannella.
Barcos na frente dos Giardini.
GIARDINI
Pavilhão Principal
"FARE MONDI"

TOMAS SARACENO
(Argentina)
"Galaxies forming along filaments,like droplets
along the strands of spider's web"
teias feitas de elástico preto.

PAVILHÃO VENEZA
Alessandro Diaz de Santillana
PAVILHÃO PRINCIPAL
HANS-PETER FELDMAN
(Alemanha)
"Shadow Play"
Instalação com bonecos projetados na parede,
que parece um sonho lúdico.
PAVILHÃO DO EGITO
AHMAD ASKALANY -
(Egito)
"Lightly Monumental"

ADEL EL SIWI
(Egito)



PAVILHÃO DA ESPANHA

MIGUEL BARCELÓ
(Madrid)
"Mare tranquilitas", 2008.

PAVILHÃO DA POLÔNIA

KRZYSZTOF WODICZKO
Goscie/Guests,2009
Os imigrantes são os personagens desta
projeção de Wodiczko.
Feita especialmente para a Bienal,
transforma o espaço do pavilhão Polonês em um
lugar onde os expectadores assistem cenas
que acontecem do lado de fora,
em uma ilusão de janelas com vidros jateados,
que ofuscam as imagens,onde imigrantes
lavam janelas,descansam,conversam sobre seus
problemas existenciais,sobre sua ilegalidade, etc...
Vale a pena entrar no ótimo site
e ler mais sobre este trabalho que é
muito interessante.
http://www.labiennale.art.pl






GIARDINI

PAVILHÃO DA FINLÂNDIA.
MICHAEL ELMGREEN & INGAR DRAGSET
"The Collectors"

PAVILHÃO FRANCÊS
CLAUDE LEVEQUE
"Le Grand Soir"
PAVILHÃO AMERICANO
BRUCE NAUMAN
Tropological Gardens
ARSENALE

LYGIA PAPE
(1927-2004)
(Brasil)
Instalação que abriu a Bienal,
feita com fios de ouro iluminados
por spots presos ao teto.
A obra recebeu a Menção Especial
"Remaking Worlds" concedida pela Bienal de Veneza
a artista fluminense,em um prêmio póstumo.

SARA RAMO
(Espanha)
DARIO ESCOBAR
(Guatemala)
Kukulkan,2009.
Instalação com pneus de bicicleta

LUIS ROUDAN
(Colombia)
Dominios del Lobo,2009
Flávia na instalação de MIRANDA JULY.
"Pedestal for a Daughter"
MIRANDA JULY
(USA)
"One of Eleven Heavy Things",2009
Lu e Flávia.
Flávia Brito.
GONHKA MACUGA
(Polonia)
Instalação "Plus Ultra"
PASCALE MARTHINE TAYOU
(Camarões)
"Human Being"
YONA FRIEDMAMAN
(Hungria)
"Ville Spatiale"
Fora do pavilhão de Veneza,um jardim de vidro feito
por DALE CHIHULY.
Trabalho feito em 2008.Lindo!
GONKAR GYATSU
(Tibet)
"The Shambala in Modern Times"


EVENTI COLLATERALI

PIERGIORGIO COLOMBARA
(Italia)
Esculturas em bronze


MONA HATOUM
(Beirut-Libano)
Mora em Londres e Berlin
"Interior Landscapes"
Exposição na Fondazione Querini Stampalia
http://www.querinistampalia.it
Esta exposição é sensacional,
vale a pena entrar no site e ler tudo sobre ela!

A woman's body flickers behind a veil of barbed
wire and Arabic script. Against a background of
Arabic female voices,a mother reads letters in English
to her daughter who is living in exile.
Loving, guilty, anxious, faintly angry, her monologue has
the quality of a material archetype.At the end she
warns that this may be her last letter;
the post office has been bombed and the
telephone lines have been inoperative for years.

Performed by Mona Hatoum reading from her own
mother's letters,the 1988 film "Measures of Distance" is an
appropriate opening to the latest show
from an artist whose oeuvre is distinguished by
her capacity to fuse personal and political
experience.

Hatoum's vision springs from the trauma of
her own displacement.Born in Beirut in 1952,she
was the daughter of Palestinian refugees who had
fled the Israelis in 1948.In 1975,she was on a trip to London
when civil war in Lebanon broke out.
Unable to return home,she enrolled at the Slade
School of Art and made London her base.
Today she divides her time between the UK and Berlin,
consciously embracing the exile that was
originally thrust upon her.

Hatoum's nomadic sensibility is refleted in
her obsession with maps,borders and territory.
The title work of this show,"Interior Landscapes",
features a bed with a barbed-wire frame,the pillow
embroidered with a map of Palestine made from
human hair.The same elongated lozenge of land is
re-elaborated in a shopping bag fashioned out of a map
and a blood-red coat hanger.

Trecho do texto de Rachel Spence
para o site do Financial Times Londres.
www.ft.com
http://www.ft.com/cms/s/2/0e0d3412-5b4f-11de-be3f-00144feabdc0.html







MAPPING THE STUDIO
FRANÇOIS PINAULT FOUNDATION

Exposição no Palazzo Grassi e no novo museu
Punta Della Dogana ,com o acervo de François Pinalt.
PALAZZO GRASSI
François Pinault na frente da pintura de Cy Twombly,
"Coronation of Sesostris"(2000),
no Palazzo Grassi.
Detalhe da instalação"BackYard" do Americano JEFF KOONS,
parte da exposição "Mapping the Studio".
PUNTA DELLA DOGANA
Vista da frente do museu Punta Della Dogana.
A construção é de 1414/reformada em 1675.
Alinhar ao centro
Este filme mostra a reforma que o
brilhante arquiteto TADAO ANDO fez
no Punta Della Dogana.
É sensacional!



FRANÇOIS PINAULT E TADAO ANDO
Escultura "Boy with Frog"de Charles Ray ,2009,
novo símbolo de Veneza.
Vista aérea do Punta Della Dogana.

PUNTA DELLA DOGANA
PUNTA DELLA DOGANA

JACK AND DINOS CHAPMAN,
Fucking Hell(2008)
Detalhe da obra "Fucking Hell"

RACHEL WHITEREAD
Untitled(One Hundred Spaces)1995.
"A Football Match of June 14th 2002" de Huang Yong Ping,2002

Related Posts with Thumbnails